PRODUTOS
Outros Produtos SAPEC
Visualizar Ficha Técnica CLP
Ficha de Segurança CLP
Tabela de Compatibilidades

LMR
Consultório Online
Mais informação
PRODUTOS



O EKYP® TRIO AZUL é um fungicida sistémico com atividade preventiva e curativa, o produto contém metalaxil, fungicida do grupo das fenilamidas.

Tipo de Produto: Fungicidas
Formulação: Pó molhável com 4,8% (p/p) de cimoxanil + 40% (p/p) de folpete + 8% (p/p) metalaxil
Família Química: Acetamida, N-tiotrihalometilo (ftalimida) e fenilamida
Número APV/AV: 3887

Embalagens:
. 250 g
. 5 Kg

ATENÇÃO

A consulta do site não dispensa a leitura atenta do rótulo

CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS

  EKYP® TRIO AZUL é um fungicida sistémico, com ação preventiva, curativa e erradicante para o controlo do míldio da videira e batateira. Apresenta três s.a. na sua composição, que lhe conferem um triplo modo de ação: contacto - folpete; penetrante - cimoxanil; sistémico - metalaxil.

  EKYP® TRIO AZUL pela sua tripla composição apresenta maior eficácia biológica média, maior uniformidade no controlo da doença e menor risco de desenvolvimento de estirpes resistentes.

  Assegura uma proteção eficaz dos novos lançamentos formados entre dois tratamentos, com uma elevada persistência de ação - 12 a 14 dias.

OBSERVAÇÕES

  O EKYP® TRIO AZUL é o único fungicida triplo à base de fenilamidas, o que lhe confere a manutenção de eficácias elevadas em situações onde se verificam quebras de eficácia àquele grupo de fungicidas.

  Recomenda-se a aplicação de EKYP® TRIO AZUL em situações de elevado risco de ocorrência da doença, como sejam o crescimento ativo da videira, a floração e a deteção da presença e pressão do míldio na região em causa.

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES

  Seguir as recomendações dos Serviços de Avisos.

  Não efetuar mais de 2 tratamentos com este ou outro fungicida do grupo das fenilamidas.

  EKYP® TRIO AZUL não afeta a fermentação nem as características organolépticas dos vinhos.

  As concentrações indicadas referem-se a pulverizações em alto volume. Quando a aplicação se faz com aparelhos de médio ou baixo volume (turbinas ou atomizadores), a concentração  deve ser aumentada por forma a que a dose de produto por hectare seja a mesma que no alto volume.

  Para mais informações consulte a Ficha de Dados de Segurança do produto.

  Os produtos fitofarmacêuticos (PFF) homologados em Portugal podem ser utilizados em proteção integrada (PI), não existindo uma lista de PFF's recomendados especificamente para esse efeito. A escolha do PFF deve ter, obrigatoriamente, em consideração a aplicação dos princípios gerais da PI e as normas definidas para a cultura.