PRODUTOS
Outros Produtos SAPEC
Visualizar Ficha Técnica
Ficha de Segurança CLP
Tabela de Compatibilidades

LMR
Consultório Online
Mais informação
PRODUTOS



O LANNATE® L é um inseticida com base em metomil, substância ativa pertencente ao grupo químico dos carbamatos (Grupo 1A do IRAC - inibidores da acetilcolinesterase). Trata-se de um inseticida sistémico que atua por contacto e ingestão ao nível do sistema nervoso por inibição da acetilcolinesterase.

Tipo de Produto: Insecticidas e Acaricidas
Formulação: Solução concentrada com 200 g/L ou 19,3% (p/p) de metomil
Família Química: Carbamato
Número APV/AV: AV 0236

Embalagens:
. 1 L
. 5 L

PERIGO

A consulta do site não dispensa a leitura atenta do rótulo

CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS

  O Lannate® L é um inseticida com base em metomil, substância ativa pertencente ao grupo químico dos carbamatos, tratando-se de um inseticida sistémico que atua por contacto e ingestão ao nível do sistema nervoso, por inibição da acetilcolinesterase.

  Possui um forte efeito de choque (os insetos morrem alguns minutos após a aplicação) e boa persistência de ação.

  A sua ação sistémica permite-lhe controlar os insetos picadores/sugadores não atingidos diretamente pela pulverização, mesmo que as folhas estejam enroladas.

  Por ser sistémico, apresenta muito boa resistência à lavagem pela chuva.

OBSERVAÇÕES

  Lannate® L tem ação ovicida, larvicida e adulticida, combatendo as pragas em todas as fases de desenvolvimento. De um modo geral, deve ser aplicado no início do ataque.

  Nas aplicações para controlo da largata do tomate, em tomateiro, é muito importante realizar os tratamentos antes das lagartas penetrarem no interior dos frutos. Uma vez dentro dos frutos as lagartas não vão ser controladas pelo Lannate® L, pelo que vão continuar a provocar estragos.

  Lannate® L tem-se mostrado eficaz no controlo de pragas resistentes a inseticidas de outros grupos químicos. É por isso, uma boa solução para incluir num esquema de tratamentos que vise a prevenção de resistências.

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES

  Antídoto: sulfato de atropina. A administração de morfina e oximas é contra-indicada.

  Para mais informações consulte a Ficha de Dados de Segurança do produto.

  Os produtos fitofarmacêuticos (PFF) homologados em Portugal podem ser utilizados em protecção integrada (PI), não existindo uma lista de PFF's recomendados especificamente para esse efeito. A escolha do PFF deve ter, obrigatoriamente, em consideração a aplicação dos princípios gerais da PI e as normas definidas para a cultura.